Chamusca

Tomar e Barquinha acolhem Colóquio Internacional da Rota Templária Europeia – TREF

Decorrerá de 12 a 14 de outubro 2022.

0 295

A Presidência Portuguesa da Rota Templária Europeia anuncia a concretização do 2º Colóquio Internacional da TREF, que terá lugar de 12 a 14 de outubro próximo, em Tomar e na Barquinha.

A Comissão Científica Portuguesa da TREF, coordenada pelo Mestre Ernesto Jana, tem vindo a preparar o Colóquio desde Abril do corrente ano, mantendo contactos a nível nacional e internacional com os potenciais palestrantes e com eles definindo os conteúdos e as temáticas.

O Colóquio decorrerá em Tomar (12 e 14 de Outubro) e Barquinha (13 de Outubro), numa organização que conta com a intervenção das respetivas câmaras municipais.

Os trabalhos decorrerão na Biblioteca Municipal de Tomar, Salão Nobre da Câmara Municipal de Tomar, Igreja de Santa Maria dos Olivais e Auditório do Centro Cultural da Barquinha.

Foi possível assegurar um leque de oradores provenientes de diversas universidades e instituições portuguesas, espanholas, francesas, cipriota e italiana.

Em breve, a Presidência Portuguesa da TREF disponibilizará um processo digital de inscrições gratuitas que será colocado à disposição do público e das comunidades escolar e científica.placa TREFPrograma provisório

Quarta-feira dia 12/10/2022 – Tomar

François Gilet (Investigador e Presidente do Centre d’ Études Médiévales de la Région Champagne-Ardenne) – Hughes de Payns et les premiers templiers en Orient

Pierre-Vincent Claverie (Cyprus Research Centre) – La place de Jérusalem dans la pensée templière

Joan Fuguet (Doutor em História da Arte pela Universidade de Barcelona; Docente na Escola Técnica Superior de Arquitectura de Barcelona) – El Temple en la conquista y colonización de Mallorca – su legado patrimoniale.

Carlos Afonso (Doutorado em História Medieval pela FCSH – Nova de Lisboa) – De Soure 1144 ao Tejo 1147: três anos na militarização dos templários em   Portugal.

– Manuel Sílvio Conde (Professor Auxiliar com Agregação na Universidade dos Açores, investigador no IEM da FCSH-Nova de Lisboa) – A Ordem Militar do Templo e a vila de Tomar

Rui Nobre (Doutorado pela Faculdade de letras da Universidade de Coimbra) – Os Templários na Diocese de Lisboa

Carlos Batata (Arqueólogo e Doutorando na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra) – O termo de Cera, os Templários e o povoamento do espaço

Ações complementares:

– Lançamento do álbum de Banda Desenhada O Segredo dos Templários, de José Ruy

– Exposição da Mão de São Gregório Nazianzeno

Quinta-feira dia 13/10/2022 – Tomar e Barquinha

Manhã

– Homenagem a Gualdim Pais na Igreja de Santa Maria do Olival de Tomar

– Exposição da Mão de São Gregório Nazianzeno na Igreja de Santa Maria do Olival

– Visita breve à Igreja com especial atenção às lápides dos mestres templários, às dos sucessores da Ordem de Cristo bem como à entrada do templo, à sua cabeceira e à torre.

– Visita ao Castelo de Almourol

– Visita ao C.I.T.A (Centro de Interpretação Templária de Almourol) e respectiva biblioteca

Tarde

Valérie Alanièce (Investigadora e jornalista do L’ Est-Clair) – Donner et se donner à l’ordre du Temple. Quelques exemples de “soeurs” en Champagne meridionale.

 – Nuno Villamariz Oliveira (Licenciado pelas Belas-Artes da Universidade de Lisboa; Mestre pela Fac. de Letras da Univ. de Lisboa e doutorando na FCSH – Nova de Lisboa) – Templários em Portugal — entre a espiritualidade combatente e a antropologia do espaço

Cristina Pimenta (Faculdade de Letras da Universidade do Porto; investigadora no CIPESE) – No encalço da Primeira Cruzada: notas sobre um debate historiográfico

Paula Pinto Costa (Professora Associada da Fac. Letras da Univ. do Porto) – Entre a História e a Historiografia: representações sobre a Ordem do Templo

Joana Lencart (Faculdade de Letras da Universidade do Porto; Investigadora do CITCEM da FLUP) – A (re)construção da Ordem do Templo no século XVI por via de Pedro Álvares Seco.

Sexta-feira dia 14/10/2022 – Tomar

Nadia Bagnarini (Doutoramento na Escola Doutoral “Riccardo Francovich”: História e Arqueologia da Idade Média, Instituições e Arquivos; Licenciatura Università degli Studi di Roma “La Sapienza”) – Dai Templari all’Ordine di Malta: strutture difensive e economiche nel Patrimonium Sancti Petri a sostegno della (ri)conquista

Luís Filipe Oliveira (Professor auxiliar na Universidade do Algarve; Investigador do IEM da FCSH-Nova de Lisboa; Director da Revista Medievalista do IEM da FCSH-Nova de Lisboa) – Título a indicar

Carme Plaza (Professora catedrática de língua e literatura espanholas no Instituto de Batxillerat em Barcelona) – El templario y la villana, de Juan Cortada. Más allá de la novela histórica.

Isabel Cristina Fernandes (Licenciada e Mestre pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra; organizadora de 6 dos encontros sobre Ordens Militares em Palmela entre 1998 e 2019) – A investigação sobre Templários em Portugal: uma perspetiva

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.