Deve Investir em Índices?

0 280

É difícil quantificar ou estimar a dimensão completa, ou o âmbito dos mercados financeiros mundiais, embora a capitalização do mercado mundial de ações tenha aumentado 18,2% numa base anual para 105,8 triliões de dólares em 2020.

À medida que os mercados financeiros mundiais continuaram a crescer, estes evoluíram a um ritmo incrível, criando um leque mais diversificado de ativos para os investidores visarem enquanto procuram diversificar os seus interesses.

Uma opção em particular é um fundo de índices, mas o que é exatamente e será que representam bons investimentos?

O que é um Fundo de Índice?

Em suma, um fundo de índice é uma categoria de fundo mútuo que vê as suas participações coincidirem ou seguirem um determinado índice de mercado.

Este pode medir empresas dentro de uma determinada indústria ou mercado, enquanto o ‘DAX30’ na Alemanha e o FTSE100 do Reino Unido listam as ações mais valiosas nas suas respetivas nações.

Trata-se de um veículo de investimento relativamente fácil de utilizar, e conhecido por proporcionar retornos relativamente sólidos mesmo num mercado em desvalorização ou desafiante (tocaremos um pouco mais sobre isto abaixo).

A razão para isto é simples: os fundos de índice não tentam superar o mercado ou obter retornos acima da sua média, mas servem para medir o desempenho mais amplo de um sector em particular, para criar o melhor equilíbrio entre risco e recompensa.

Esta é sem dúvida uma das maiores vantagens, dado que índices oferecem acesso a uma carteira instantaneamente diversificada que pode minimizar o seu risco e exposição em tempo real, ao mesmo tempo, isto também cria um equilíbrio muito maior e protege os investidores das oscilações voláteis do mercado de ações (especialmente quando comparado com ações individuais).

O comércio de índices também permite-lhe operar como um investidor especulativo, em vez de assumir a propriedade de ações numa determinada empresa.

Isto proporciona aos investidores altos níveis de flexibilidade num clima de mercado incerto e volátil, o que é ótimo para investidores à medida que emergimos do caos da pandemia do coronavírus.

Então, será que Investir em Índices é o melhor para si?

Para tal, duas das melhores formas de negociar índices é através de um fundo de índice ou contrato por diferença (CFD).

Com um CFD, normalmente estará a seguir mais estratégias de negociação de curto prazo e com mais risco, enquanto os ETFs de índice (fundos negociados em bolsa) são normalmente utilizados para obter ganhos menores, mas mais fiáveis ao longo de um tempo mais longo.

É claro que tudo depende da perspetiva de cada indivíduo, perfil de risco e estratégia de investimento, mas é bom saber que existem muitas opções através das quais pode negociar índices com sucesso na era moderna.

Certamente, os fundos CFD e ETF são ideais num clima económico incerto, já que permitem especular e lucrar com a volatilidade das mudanças e movimentos de preços.

Assim, investir em índices e fundos de índice pode ser uma das melhores opções em 2021, pelo menos até um crescimento sustentável regressar aos mercados pós-Covid.

https://www.leolytics.com/tasks/42825/edit

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.