Do registo dos 10 Castelos dos Templários em Portugal, há dois no concelho de Tomar

0 479

A Ordem dos Templários foi fundada com o nome de Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão e foi criada com o intuito de proteger os peregrinos cristãos que se deslocavam à Terra Santa. Com o passar do tempo, no entanto, a ordem acumulou muito poder em toda a Europa, sendo inclusive responsável pelo estabelecimento de um sistema bancário em todo o continente.

Seria o excesso de poder que acabaria por ditar o fim da ordem, quando o rei francês Filipe IV, que tinha dívidas excessivas a esta ordem, mandou que todos os cavaleiros da Europa fossem assassinados e confiscou os seus bens, tudo isto em conluio com o papa. Em Portugal, no entanto, os templários encontraram refúgio na recém-criada Ordem de Cristo, estabelecida por D. Dinis.

Foram peças fundamentais para a expansão e consolidação do território que hoje corresponde ao nosso país. Conheça os castelos dos Templários em Portugal.

Castelo de Tomar

Este castelo começou a ser elevado a 1 de março de 1160, na altura em que Gualdim Pais era o Mestre da ordem em terras de Portugal. Este castelo foi erigido para suprir a fortificação de Ceras, que estava já em ruínas, e que se situava no morro na margem direita do rio Nabão. A partir do castelo desenvolveu-se a vila de Tomar.

Quando a ordem dos Templários se extinguiu, o castelo passou a ser chamado de convento de Cristo e foi amplamente modificado, transformações essas que descaracterizaram a edificação templária original. Apesar disso, este é um dos monumentos mais visitados do nosso país, recebendo também visitantes do mundo inteiro.

Castelo de Ceras

Este castelo estava situado junto à ribeira de Ceras, na freguesia de Alviobeira, concelho de Tomar. Em 1159, D. Afonso Henriques doou esta fortificação aos Templários, uma vez que a sua posição era considerada estratégica na linha do Mondego ao Tejo.

Na altura da doação, a fortificação estava em ruínas, e por isso, um ano após a ocupação do castelo pelos Templários, D. Gualdim Pais decidiu construir um novo castelo num local mais apropriado. Assim, o castelo de Ceras foi desaparecendo ao longo do tempo, sendo muitas vezes erroneamente confundido com o castelo de Tomar.

Livro das Fortalezas 35 Assumar
Livro das Fortalezas 35 Assumar

Veja aqui, (www.vortexmag.net) os outros Castelos dos Templários em Portugal:

Os 10 castelos dos Templários em Portugal

 

 

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.