Proteção Civil de Santarém pede a peregrinos que evitem deslocação a Fátima

Devido à Covid-19

0 226

A Comissão Distrital de Proteção Civil de Santarém emitiu um alerta à população e aos peregrinos para que este ano não se desloquem a Fátima nos dias 12 e 13 de maio devido à pandemia de covid-19.

“Este ano não peregrine até Fátima. Este ano não se desloque até Fátima, nos dias 12 e 13 de maio”, lê-se no alerta, emitido no sábado, assinado pelo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil de Santarém, Miguel Borges.

No documento, o responsável refere que o Santuário de Fátima decidiu celebrar a peregrinação de 12 e 13 de maio sem público.

“Sair de casa para iniciar a peregrinação é, este ano, um comportamento de risco”, sublinha a comissão distrital, lembrando que muitos peregrinos aproveitam os feriados que antecedem a peregrinação de maio, nomeadamente o 25 de Abril e o 1.º de maio, para cumprirem etapas da peregrinação a pé.

O presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil de Santarém pede para que a peregrinação seja adiada “para quando for seguro para todos”.

“Este ano faça a sua peregrinação em casa. Reze em casa”, apelou a autoridade local, lembrando que as principais celebrações religiosas “serão transmitidas pelos meios de comunicação social e digital”.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 204 mil mortos e infetou mais de 2,9 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Perto de 800 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 903 pessoas das 23.864 confirmadas como infetadas, e há 1.329 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Lusa

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.