Valter Hugo Mãe, João Tordo e a relação de Tomar com a génese da poesia brasileira na Feira do Livro

Em Tomar

0 543
Widget dentro do artigo  
 
   
Advertisements
Advertisements

Valter Hugo Mãe e João Tordo são cabeças de cartaz da Feira do Livro de Tomar, que decorre de 31 de Maio a 10 de Junho, no Complexo Cultural da Levada. Com uma programação eclética que pretende promover a interação entre autores e leitores, a iniciativa contará também com a presença de Fátima Lopes e Bárbara Guimarães, entre duas dezenas de sessões. A insuspeita ligação de Tomar à génese da poesia brasileira estará igualmente em destaque nesta que é a 14ª edição do certame organizado em parceria pelo Município e pela Livraria Nova.

A Feira do Livro abre às 18 horas de sexta-feira, dia 31 de Maio, contando nessa noite, pelas 21 horas, com a presença de Valter Hugo Mãe, que estará à conversa com os leitores sobre a sua obra, em especial o mais recente “Deus na escuridão”.

No sábado, dia 1 de Junho, a noite terá a presença de Fátima Lopes e no domingo seguinte será Eduardo Barroso quem estará presente pelas 17 horas. Na sexta, dia 7, João Tordo estará na Feira às 21 horas e no domingo, 9, véspera de feriado, será Bárbara Guimarães a marcar presença à mesma hora.

A programação completa inclui ainda Susana Moreira Marques às 16 horas de sábado, dia 1; Vítor Vicente (15h00), seguido de uma evocação ao pintor Harry Kernoff (na Sinagoga de Tomar, às 16h00), no domingo, dia 2; Leonel Pereira, pelas 21h00 de segunda, dia 3; a reunião quinzenal do Clube de Leitura da Biblioteca Municipal (às 16h30, aberto a todos os interessados), Paulo Brito e Abreu (18h00) e Salvador Franco (21h00), na terça, 4; André Pereira (16h00) e Belinda Raitt (21h00), na quarta, 5; e Joana Sobreiro às 21 horas de quinta, 6.

No fim-de-semana prolongado, o coronel Armando Marques Ramos falará do seu livro e do seu envolvimento no 25 de Abril de 1974, às 16 horas de sábado, 8; enquanto, pelas 21, Nuno Garcia Lopes apresenta o seu novo livro de poesia em edição bilingue “Corações de musgo”, que foi lançado em Espanha em Abril. No domingo, 9, a Feira receberá João Borges pelas 16 horas e, na segunda, dia 10, Olga Silva às 16 e Luís Ferreira às 18 horas finalizam a programação do certame.

A Feira do Livro de Tomar abre todos os dias, excepto no primeiro, às 14 horas, e encerra às 22 ou às 23 (neste caso nas vésperas de dias de fim-de-semana ou de feriado), excepto no último, em que fecha às 20 horas. O espaço é um dos mais apetecíveis da cidade, entre dois braços de rio, rodeado de património natural, histórico e industrial de grande beleza.

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.