Novas instalações da Escola Superior de Tecnologia de Abrantes vão custar 4 milhões de euros

ESTA integra o Politécnico de Tomar.

0 425

A Câ­mara de Abrantes aprovou no dia 27 de abril, a trans­fe­rência para o Mu­ni­cípio de Abrantes da pro­pri­e­dade do pro­jeto de exe­cução re­la­tivo à ins­ta­lação de­fi­ni­tiva da ESTA – Es­cola Su­pe­rior de Tec­no­logia de Abrantes no Ta­gus­valley – Parque de Ci­ência e Tec­no­logia.

O pro­jeto, con­si­de­rado como es­tra­té­gico para o Con­celho e para a Re­gião, re­pre­senta um in­ves­ti­mento de 4 mi­lhões de euros e im­plica a re­con­versão de parte do edi­fício E9, in­te­grado no con­junto edi­fi­cado do Parque de Ci­ência e Tec­no­logia, para aí ins­talar a Es­cola Su­pe­rior de Tec­no­logia de Abrantes, numa área de im­plan­tação de 2 909,11 me­tros qua­drados.

807702
Instalações atuais da ESTA

“Hoje é um dia que mar­cará a his­tória de Abrantes. Nós que­remos con­ti­nuar a afirmar a ESTA en­quanto ele­mento de­ci­sivo da nossa iden­ti­dade. Há mais de 10 anos que ou­vimos falar na nova ESTA, e hoje tra­zemos este pro­jeto que tran­sita da Ta­gus­valley para a Câ­mara Mu­ni­cipal”, sa­li­entou o Pre­si­dente da Câ­mara Mu­ni­cipal de Abrantes, Ma­nuel Jorge Va­la­matos.

“É um pro­jeto muito am­bi­cioso. Neste mo­mento não temos fundos co­mu­ni­tá­rios con­cretos para este pro­jeto, mas iremos cer­ta­mente en­con­trar me­ca­nismos fi­nan­ceiros para que seja com­par­ti­ci­pado”, sa­li­entou o au­tarca des­ta­cando a im­por­tância es­tra­té­gica deste pro­jeto para a Re­gião.

ESTA vai ser er­guida num es­paço do Ta­gus­valley – Parque de Ci­ência e Tec­no­logia, onde também vai avançar a obra do IT.​POINT que prevê a cri­ação de um novo es­paço que se des­tina ao aco­lhi­mento de em­presas de base tec­no­ló­gica. O novo es­paço terá dois pisos, sendo que no piso de en­trada será ins­ta­lada a zona ad­mi­nis­tra­tiva, salas de in­for­má­tica, o es­túdio de pro­dução e a régie.

Neste pri­meiro piso, também estão pre­vistas zonas de es­tudo e de con­vívio, dois cen­tros de in­for­má­tica, um centro de có­pias e o es­paço de­di­cado à As­so­ci­ação de Es­tu­dantes, a par com um pátio com cerca de 400 me­tros qua­drados para usu­fruto de alunos e pro­fes­sores. No piso su­pe­rior, será ins­ta­lada a Di­reção da ESTA, também com uma zona de apoio ad­mi­nis­tra­tivo, a Bi­bli­o­teca, mais salas de aulas e es­paços po­li­va­lentes para aco­lher di­versos eventos, como se­mi­ná­rios.

A en­trada prin­cipal da ESTA terá uma es­tru­tura nova, com uma co­ber­tura que irá ser acres­cen­tada. Será feito o re­ves­ti­mento de toda a su­per­fície exis­tente de forma a me­lhorar as con­di­ções tér­micas do edi­fício, as co­ber­turas serão subs­ti­tuídas, será me­lho­rada toda a es­tru­tura do edi­fício e subs­ti­tuída toda a cai­xi­lharia, entre ou­tros tra­ba­lhos de re­qua­li­fi­cação.
“Vamos ter uma es­cola mo­derna, uma es­cola nova que está de acordo com aquilo que é o en­ten­di­mento dos pro­fes­sores, dos alunos e da Di­reção Geral do En­sino Su­pe­rior”, sa­li­entou Ma­nuel Jorge Va­la­matos.

Com a pas­sagem do pro­jeto da ESTA para a Câ­mara Mu­ni­cipal de Abrantes, a au­tar­quia vai agora ini­ciar a re­visão do pro­jeto e pre­parar o lan­ça­mento da em­prei­tada. O prazo de exe­cução da obra é de 720 dias.

Fonte: http://cm-abrantes.pt

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.