Chamusca camara

Há câmaras municipais que não perdoam atrasos nas obras. Santarém multa empresa em 115 mil euros

Atraso na obra da Igreja de São João de Alporão.

0 248

A Câmara Municipal de Santarém decidiu aplicar uma multa contratual, no valor de 115.227 euros, à empresa In Situ, à qual foi adjudicada a empreitada de conservação e beneficiação exterior da Igreja de São João de Alporão, por incumprimento do prazo de execução dos trabalhos. A decisão de aplicar a referida multa foi aprovada em reunião do executivo scalabitano, na segunda-feira, dia 16 de janeiro.

Segundo o contrato, a obra devia ter ficado concluída em 29 de novembro de 2021, mas ainda se encontra em curso. A empreitada foi consignada no dia 25 de fevereiro de 2021 e tinha um prazo de execução de 9 meses. Contudo, a intervenção só se iniciou no dia 14 de maio de 2021, após os trabalhos de montagem dos andaimes e do estaleiro junto ao monumento nacional, situado no centro histórico da cidade.

A Igreja de São João de Alporão localiza-se em Marvila, na União de Freguesias da cidade de Santarém.

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.