População de Torres Novas indignada com demolição de antigas chaminés industriais

O projeto aprovado pela Câmara obrigava à manutenção das duas chaminés, memórias importantes do património industrial torrejano.

0 358

Aquilo que nunca estaria na imaginação dos torrejanos como possível, aconteceu: as duas icónicas chaminés da antiga fábrica António Alves foram derrubadas ontem, sábado, avança o jornaltorrejano.

Segundo a mesma fonte, No local decorrem obras para a futura nova loja do Intermarché, na várzea grande dos Mesiões, e nada fazia crer neste desenlace já que o projeto aprovado pela Câmara obrigava à manutenção das duas chaminés, memórias importantes do património industrial torrejano.

Para o jornaltorrejano, trata-se, portanto, de uma ação aparentemente desprovida de legalidade, por ir contra o projeto aprovado, e que está a causar uma enorme onde de contestação junto dos torrejanos, pela crueldade de que se revestiu (um vídeo que está a correr nas redes sociais mostra o derrube das chaminés e a forma determinada e pré-concebida como terá acontecido este ato).

Tanto quanto foi possível apurar, o presidente da Câmara, Pedro Ferreira, não sabia o que estava a acontecer, tal como o vereador do urbanismo, Luís Silva. Até ao momento, não houve qualquer explicação oficial de nenhuma entidade autárquica, da construtora e da empresa mandatária das obras.

pic B4A6EF1B 23C8BBB7

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.