Valter Hugo Mãe regressa à Sertã para apresentar o seu novo livro

0 517
Widget dentro do artigo  
 
   
Advertisements
Advertisements

Era um dos regressos mais aguardados do universo literário português para 2024. Valter Hugo Mãe tem novo livro e vai apresentá-lo na Sertã, no próximo dia 16 de fevereiro, pelas 21h, no antigo quartel dos Bombeiros Voluntários da Sertã.

apres vhm Deus na Escuridao crtzO livro «Deus na escuridão» explora “a ideia de que amar é sempre um sentimento que se exerce na escuridão. Uma aposta sem garantia que se pode tornar absoluta. A dúvida está em saber se os irmãos podem amar como as mães que, por sua vez, amam como Deus”, pode ler-se na sinopse deste que é o nono romance de Valter Hugo Mãe e que tem como pano de fundo a ilha da Madeira.
Nascido em Angola, a 25 de setembro de 1971, Valter Hugo Mãe nunca acreditou que chegaria aos 18 anos, mas a verdade é que ultrapassou essa marca e transformou-se num dos nomes mais conhecidos e celebrados da literatura nacional. A sua obra está traduzida em variadíssimas línguas, merecendo um prestigiado acolhimento em países como o Brasil, a Alemanha, a Espanha, a França ou a Croácia.
Iniciou a carreira literária em 1996 com a publicação de um livro de poemas «silencioso corpo de fuga». Seguiram-se dezenas de outros títulos, onde se incluem livros para crianças, poesia e romances, que lhe trouxeram o reconhecimento da crítica e do público.
Recebeu o Prémio Saramago em 2006 pela publicação de «O Remorso de Baltazar Serapião» e, em 2010, o Prémio Portugal Telecom Melhor Livro do Ano e o Prémio Portugal Telecom Melhor Romance do Ano com «A Máquina de Fazer Espanhóis». Nos anos mais recentes (2020) venceu o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores com a obra «Contra Mim».

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.