Chamusca

Festival Vapor: A Steampunk Circus foi um «fenómeno» em termos de público c/galeria de imagens

Foram três dias com muita música e animação no Museu Nacional Ferroviário, no Entroncamento.

0 233

Foram três dias com atividades para toda a Família como conversas com autores e artistas, feira do livro, feira de crafts, exposições, oficinas de escrita criativa, jogos de tabuleiro, duelos de nerfs e de chá, parada steampunk, modelismo tripulado, um carrossel vitoriano e claro os grandes concertos dos The Black Mamba, Kumpania Algazarra, O Gajo e Club Makumba. No sábado à noite tivemos ainda a companhia de teatro transdisciplinar e artes visuais, Custom Circus, que apresentaram um espetáculo com elementos de videomapping e pirotecnia, desenvolvido especialmente para o Festival Vapor.

Outra das atrações foi a exposição de mais de 70 motas old school  com a atividade Station Steam Road, ideal para os amantes e curiosos de motas.

Passaram pelo Festival Vapor milhares de festivaleiros, de diversas nacionalidades, entre eles muitos steampunkers,  que aproveitaram para participar nas dezenas de atividades propostas, assistir aos concertos, visitar o museu e usufruir dos seus vários espaços interiores e exteriores, tudo num ambiente simultaneamente Steampunk e familiar.

Com o objetivo de se tornar cada vez mais inclusivo, o Festival Vapor 2022 garantiu a tradução para Língua Gestual Portuguesa dos concertos e demais atividades, bem como com a participação de terapeutas que acompanham as oficinas para as famílias, sendo a acessibilidade um caminho que continuaremos a percorrer.

O Festival Vapor foi promovido pelo Município do Entroncamento, em parceria com o Museu Nacional Ferroviário, com o apoio da Liga Steampunk de Lisboa.

 

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.