Prédio da antiga Gráfica de Tomar foi vendido

0 531

Segundo informação de Margarida Cabeleira Braz, da imobiliária Remax, foi ontem segunda-feira vendido um dos prédios mais emblemáticos de Tomar, a Gráfica.

Refere ainda que o prédio foi vendido a um jovem empreendedor da zona de Lisboa, que decidiu apostar nesta cidade.

O antigo prédio da Gráfica de Tomar, que se encontra bastante degradado, cujo aspeto nada favorece o local no início da Rua Infantaria 15, com vista para a Praça da República, a principal sala de visitas da cidade.

Recorde-se que este neste prédio funcionou, durante várias décadas, a antiga Gráfica de Tomar, com as suas máquinas de impressão, onde foram impressos vários livros sobre Tomar, livros e cadernos escolares entre outro material. O Jornal Cidade de Tomar foi ali impresso durante um longo período. Ali chegaram a trabalhar meia centena de trabalhadores entre tipógrafos, impressores, encadernadores e as respetivas funcionárias da livraria, tendo nos seus tempos aureos marcado uma época como empresa gráfica conhecida em toda a região.

A Gráfica de Tomar fará sempre parte da história do século XX da cidade.

Que o novo proprietário lhe dê, agora, um novo uso, e lhe garanta a dignidade que já conheceu. Porque os prédios também têm alma e contam histórias.

Isabel Miliciano

 

Todas as quintas-feiras, receba uma seleção das nossas notícias no seu e-mail. Inscreva-se na nossa newsletter, é gratuita!
Pode cancelar a sua subscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

google.com, pub-9853338638165848, DIRECT, f08c47fec0942fa0